1ª fase - CANDIDATURA
2ª fase - AVALIAÇÃO
3ª fase - FINANCIAMENTO

4ª fase - IMPLEMENTAÇÃO

Sobre







Com o objetivo de reforçar a ligação dos emigrantes portugueses ao seu país e terra de origem, o Concurso 50/50, em parceria com instituições locais portuguesas, pretende transformá-los em agentes de inovação ativos no desenvolvimento local.

Em parceria com entidades portuguesas, o ACM dará aos emigrantes que tenham vontade de investir na sua terra a possibilidade de apoiar financeiramente ideias com impacto social que demonstrem responder de forma clara, inovadora e sustentável a necessidades locais, e que contribuam para a resolução de problemas sociais, culturais, económicos e ambientais.

O ACM apoiará financeiramente em 50% as 50 melhores ideias, sendo os restantes 50% financiados por emigrantes portugueses através de uma campanha de angariação online.

Sobre os Concorrentes

Cada instituição poderá candidatar-se com máximo de 3 ideias, devendo as mesmas enquadrar-se nos eixos de intervenção de reabilitação urbana/património, negócios sociais, animação comunitária, ambiente, infância/juventude ou idosos.

Poderão ser consideradas ideias que não se enquadrem nos eixos de intervenção predefinidos, desde que se verifique que as mesmas contribuem para os objetivos do Concurso 50/50, cabendo ao respetivo promotor demonstrá-lo.